4 de janeiro de 2017

Diário Espiritual: 04 de Janeiro (O Guru)

No início da nossa busca espiritual, é sábio comparar os vários caminhos e os vários mestres. Mas, uma vez que você encontrou o seu Guru*, aquele cujos ensinamentos poderão conduzi-lo à Divina Meta, então a busca inquieta deve cessar. Uma pessoa espiritualmente sedenta não deve continuar procurando indefinidamente novas fontes; é preferível que ela vá à melhor nascente e beba diariamente de suas águas vivificantes. (Paramahansa Yogananda, "Lições da Self-Realization Fellowship"). Nota do Tradutor: *Mestre espiritual, "o que dissipa as trevas"; do sânscrito "gu", trevas; "ru", o que dissipa.